Na Escola Básica de Cambres, no dia 30 de maio, antecipou-se o Dia Mundial da Criança, com uma viagem de barco pelo Rio Douro.

Enquanto nos deslocávamos para o cais, ouvimos os professores darem vários esclarecimentos sobre a paisagem, o Rio Douro e o Património Mundial da Humanidade.

Os alunos, cheios de felicidade, usaram o ancoradouro da Folgosa, para subirem a bordo dos barcos Julieta e Entre Margem’s, da Empresa Douro à Vela.

Após o embarque e as manobras de desatracagem, a capitã Michel, com a licença de “patrão local”, explicou os meios de orientação e de “governo” do barco, para todos os alunos colocarem em prática, enquanto seguravam o leme. Proa, à frente e popa atrás; bombordo à esquerda, o lado bom do coração; e estibordo, o lado direito. Marcha avante, para a frente; e marcha à ré, para trás, lá fomos sulcando, isto é, cortando as águas do Rio Douro, desde a Folgosa, quase até ao Pinhão.

Enquanto os barcos navegavam, foram lidos, através de um megafone, pelo animador da biblioteca do nosso Agrupamento de Escolas, poemas de Miguel Torga, que homenageavam o Rio Douro.

Quando nos aproximamos do Miradouro de Galafura, a Michele declamou muito bem o poema “S. Leonardo de Galafura”, também desse mesmo autor do Douro.

Entre observações da paisagem e os versos declamados, chegamos com muita alegria ao fim da viagem e do projeto da biblioteca “Ler a Navegar no Rio Douro”.

Queremos mais!